• Equipe NeuroVox

Praticar yoga melhora quadros de ansiedade, segundo estudo científico

Pesquisadores verificaram que a prática de yoga é capaz de melhorar quadros de transtorno de ansiedade generalizada, mas não substitui a psicoterapia.


O transtorno de ansiedade generalizada (TAG), nos dias de hoje, é um dos distúrbios neuropsiquiátricos mais comuns, afetando cerca de 8% das mulheres e 4% dos homens nos países das Américas. O quadro envolve sensações persistentes de nervosismo e preocupação, pensamentos catastróficos sobre o futuro, e níveis de estresse cronicamente elevados.


Pesquisadores da Grossman School of Medicine — a faculdade de medicina da Universidade de Nova York — investigaram os efeitos de diferentes abordagens terapêuticas no tratamento do TAG. Especificamente, foram comparados os efeitos de Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC, o padrão-ouro de psicoterapia para esse tipo de tratamento), a prática de yoga (especificamente Kundalini yoga), e de educação para gerenciamento de stress.


Os resultados demonstraram que o maior efeito de melhora foi obtido nos participantes que receberam TCC. Também foi observado que a prática de yoga melhorou significativamente o quadro de TAG dos participantes — ainda que o tamanho do efeito tenha sido melhor do que da TCC.


O estudo, publicado na prestigiosa revista científica JAMA Psychiatry, nos deixa duas grandes lições. Primeiramente, que a psicoterapia é indispensável para esse tipo de tratamento. Em segundo lugar, que a prática de yoga pode ser um tratamento complementar importante para pessoas que sofrem com o transtorno de ansiedade generalizada.



Estudo original:


Simon, N. M., Hofmann, S. G., Rosenfield, D., Hoeppner, S. S., Hoge, E. A., Bui, E., & Khalsa, S. B. S. Efficacy of Yoga vs Cognitive Behavioral Therapy vs Stress Education for the Treatment of Generalized Anxiety Disorder: A Randomized Clinical Trial. JAMA psychiatry. doi: 10.1001/jamapsychiatry.2020.2496

235 visualizações

NeuroVox News

Psicologia e Neurociências, por Pedro Calabrez

contato@neurovox.com.br

  • Facebook NeuroVox
  • Instagram NeuroVox
  • YouTube NeuroVox

© 2020 NeuroVox - Todos os direitos reservados.